Informações essenciais para a sua viagem

Documentação

 

1. Documentação de embarque, vistos e vacinas


Providencie a documentação com antecedência. Para viagens nacionais e internacionais orientamos seguir as informações oficiais da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) através deste link.

 

A responsabilidade pela validade, obtenção e pagamento das taxas que envolvem os vistos é do contratante de cada viagem.. Bem como pela obtenção do mesmo em tempo hábil para o embarque. Consulte este link.

 

No caso de ter sua entrada negada pelas autoridades de imigração, não haverá reembolso pela não utilização dos serviços previamente contratados. Crianças também necessitam de vistos. Muita atenção em viagens marítimas, pois o país do porto de embarque pode não necessitar de visto, mas os países dos pontos de paradas podem exigir.

 

Muitos dos países que exigem vacinas exigem que a mesma seja tomada com uma determinada antecedência. (exemplos: alguns países exigem da Febre Amarela com 10 dias de antecedência. Uma grande maioria de destinos, navios, por exemplo, exigem a segunda ou até terceira dose do Covid-19 com mais de 14 dias antes do embarque. Mais o tempo para você gerar o certificado internacional se for o caso. Ou seja, providencie tudo com muita antecedência). Além de tomar a vacina, você precisa do certificado internacional da mesma, este certificado é emitido pela Anvisa. Para consultar essas informações, utilize este link.

 

2. Menores desacompanhados

 

Para a viagem de menores(entre 0 e 17 anos) podem ser solicitadas autorizações específicas para a viagem de acordo com quem estará acompanhando o menor. Consulte este link com antecedência e deixe todos os documentos em ordem para o embarque.

 

3. Vouchers

 

Os vouchers da sua viagem serão entregues a você entre 2 e 7 dias antes da data de embarque, nesse momento você precisará conferir todas as informações, tais como horários, datas, serviços, nomes, etc. O voucher é o comprovante dos serviços contratados é de extrema importância que o tenha na forma impressa e digital.

Seguro viagem

 

Durante uma viagem, imprevistos podem ocorrer gerando gastos com assistência médica, odontológica, entre outras. Parte desses gastos poderão ser minimizados com a aquisição antecipada do cartão de assistência com seguro viagem. Com raras exceções, e será devidamente explícito quando ocorrer, dos serviços contratados como passagens aéreas, diárias de hospedagem, cruzeiros, pacotes turísticos, entre outros, não incluem o cartão de assistência com seguro viagem.

 

Quando constar incluso o seguro viagem, onde em sua maioria são as menores coberturas, o pagante poderá solicitar via pagamento adicional, o aumento das coberturas. O mesmo deve ser realizado com tempo hábil antes do embarque. O pagante declara que foi informado e orientado sobre a importância de adquirir cartão de assistência com seguro viagem para todos os passageiros, durante todo o período da viagem, seja nacional ou internacional.


Além disso, em alguns destinos internacionais o seguro viagem é obrigatório para a entrada no país. Sendo necessário ser contratado com antecedência.

Passagem aérea

 

Antes da pandemia do COVID-19 as companhias aéreas tinham os seus voos e respectivas rotas já bem definidas e consolidadas. Com o cancelamento de mais de 90% dos voos a nível mundial, vem existindo uma retomada gradativa. E durante esse período de retomada que ainda pode durar mais alguns meses, a possibilidade de alterações de última hora ou até mesmo cancelamentos, podem ocorrer.

1. Acompanhe o seu voo

 

Portanto, é de extrema importância que você monitore o seu voo e também verifique o status do mesmo antes de se dirigir para o aeroporto.

 

As companhias aéreas disponibilizam três maneiras de se fazer isso:

 

  1. Aplicativos de celular

  2. Site oficial da mesma utilizando o localizador (código da reserva)

  3. Por telefone ligando diretamente para a companhia aérea

 

Indicamos que você baixe o aplicativo da companhia aérea e cadastre o seu voo logo após a compra, faça seu check-in à partir de 72 horas de antecedência do voo, para evitar cancelamentos por overbooking¹. Nesse momento você poderá marcar o seu assento (Consulte item abaixo).

Algumas companhias aéreas estão com codeshare² e podem apresentar problemas ao cadastrar o localizador no aplicativo. Se ocorrer algum erro no cadastro, é necessário ligar no telefone da companhia aérea e solicitar as informações do voo e cadastro no aplicativo por lá.

 

Importante: Em caso de check-in feito com antecedência, se você não comparecer para o embarque é considerado no-show³ e você perde o seu direito de remarcação e o seu voo da volta é automaticamente cancelado, sem direito à reembolso.

 

Se mesmo você acompanhando o seu voo no aplicativo da companhia aérea ocorrer um cancelamento ou alteração ao chegar no balcão da companhia aérea no aeroporto, solicite a reacomodação / alteração perante a mesma. Saiba que cabe à empresa aérea a reacomodação de passageiros em voos cancelados ou alterados. Não vá embora do aeroporto antes de fazer a reacomodação em um novo voo e resolver todas as pendências necessárias com a companhia aérea.

Você também deve acompanhar o status dos demais voos que seguem o seu itinerário, quando existir, como por exemplo conexões ou o voo de volta.

 

2. Bagagens

 

Na maioria das cias aéreas, cada viajante tem direito a uma mala de mão de até 10kg e a bagagem despachada é comprada à parte, consulte o seu bilhete para saber se tem direito ou não a bagagem despachada. Além disso, a quantidade de malas despachadas e o peso de cada uma podem variar de uma companhia para a outra, por isso, é de extrema importância consultar as informações no seu bilhete. Cias aéreas de baixo custo (low cost), podem inclusive cobrar bagagens de mão.

Durante a viagem pode acontecer da sua mala ser extraviada, em seguida algumas instruções para estes casos. Sempre coloque na mala uma etiqueta com o seu nome, telefone e email.

 

Se minha mala não chegar na esteira do meu voo, o que fazer?

 

O primeiro passo é olhar ao redor da esteira para ver se alguém não tirou a mala da esteira por engano, caso não encontre o próximo passo é ir até o ponto de apoio da companhia aérea nesse mesmo ambiente e explicar para o atendente que sua mala não chegou. Às vezes aconteceu alguma confusão na hora de sair e ali mesmo o funcionário já identificará o problema e te avisará sobre quando a mala irá chegar, normalmente é entregue direto no hotel para você ou então na sua casa (no caso de voos de volta).

 

Em hipótese alguma saia da área de desembarque sem a sua mala despachada ou sem um documento formalizando o extravio da bagagem. O documento entregue pela companhia aérea nestes casos deve conter carimbo, assinatura, número de protocolo e um telefone de contato para ligar após 24h para saber sobre a mala.

 

Verifique também se o seu seguro viagem cobre o extravio de bagagens, para isso confira o voucher do seu seguro viagem. Para acionar o seguro será necessário ligar para o segurador e informar o número do protocolo gerado pela companhia aérea.

 

Sempre é válido tirar uma foto da sua mala por dentro e guardar as notas fiscais das compras, assim você fica com provas em casos de indenização. Vale lembrar que tanto em voos nacionais quanto internacionais, objetos de valor, como eletrônicos, dinheiro em espécie e joias não podem ser incluídos na declaração. Por isso, é importante guardá-los na bagagem de mão.

Dica importante: nunca deixe suas bagagens com outra pessoa. Nunca transporte bagagens de outras pessoas. Como você vai explicar a polícia qualquer conteúdo proibido em uma bagagem que está em sua posse?

3. Assento

 

A única maneira de garantir* um lugar exato no voo é comprando o assento. Quando você marca um assento sem custos, a companhia aérea pode mudar e ou cancelar a marcação sem avisar!

 

A compra de assento pode ser feita no ato da compra da passagem ou posteriormente pelos canais oficiais da companhia aérea (os mesmos utilizados para acompanhar o voo). Além disso, quando disponibilizado em seu voo, você pode comprar o espaços conforto ou assento na na classe executiva em que os assentos são marcados antecipadamente e garantidos. Atente-se aos voos com conexão, pois no caso da compra de assentos será necessário comprar para todos os trechos.

*Garantia do assento comprado: quando a cia aérea precisa trocar a aeronave, o assento comprado poderá ser alterado pela mesma, devido a diferente configurações das aeronaves. Reconfirme sempre seu assento no momento do check-in.

 

4. Horários de embarque

 

Programe-se para chegar no aeroporto de embarque e apresentar-se no balcão da companhia aérea com no mínimo 5 (cinco) horas de antecedência para voos internacionais e com 3 (três) horas de antecedência para voos nacionais (domésticos). Atente-se a voos com horário de embarque na madrugada, pode ser que você tenha que se dirigir ao aeroporto na noite anterior.

 

5. Tipos de voos

 

Ao comprar uma passagem de um destino para o outro, existem alguns tipos de voo, veja abaixo e entenda a diferença entre eles:

 

  • Voos diretos: São os voos que saem de um local e vão diretamente para o destino final, sem paradas.

  • Voos com escala: São voos que fazem uma parada em pelo menos uma cidade antes de chegar no destino final. Essa parada pode ser para desembarcar passageiros que vão ficar ali, embarcar passageiros que vão até o destino final. Nesse tipo de voo, durante a escala você não pode sair de dentro da aeronave, é necessário apenas aguardar todos os procedimentos.

  • Voos com conexão: Nesse tipo de voo também acontece a parada, porém nele ocorre a troca do avião e é necessário desembarcar no destino de conexão e embarcar novamente. Durante um voo com conexão o número do voo muda e pode acontecer a troca do portão de embarque também, portanto, fique atento aos horários de embarque do segundo trecho e as informações do número do voo e portão de embarque. Além disso, em alguns voos internacionais podem ser necessários procedimentos de imigração e alfândega entre os voos.


¹Overbooking: é a expressão usada para definir casos em que viajantes compram uma passagem aérea, mas não podem embarcar por excesso de passageiros.

²Codeshare: é um acordo no qual duas ou mais companhias aéreas compartilham o mesmo voo, os mesmo padrões de serviço e os mesmos canais de venda.

³No-show: é o termo usado pelas companhias aéreas para os passageiros reservados que não se apresentam para o embarque.

CHECK-IN ONLINE

 

Para facilitar, colocamos abaixo os links diretos para check-in online das principais companhias aéreas, basta clicar em cima do logo da companhia aérea para acessar. Muito importante não esquecer de imprimir/salvar seu cartão de embarque e preste bastante atenção nas regras de cada companhia aérea. Lembrando que o check-in online NÃO isenta de levar todos os documentos necessários para o destino.

Azul.jpg
Argentina.jpg
Copa.jpg
Lufthansa.jpg
Gol.jpg
Airfrance.jpg
Delta.jpg
Swiss.jpg
Latam.jpg
Alitalia.jpg
Emirates.jpg
United.jpg
American Airlines.jpg
British.jpg
KLM.jpg
TAP.jpg

Fuso horário

 

Muita atenção a diferença de horário referente a fusos e horário de verão. Os horários impressos nos vouchers referem-se sempre ao horário local. Muita atenção aos voos com embarque na madrugada, pois em sua maioria a sua apresentação no aeroporto se dará no dia anterior ao embarque.

Locação de veículos

 

Para locação de veículos no Brasil e no mundo existem exigências específicas por parte das locadoras como por exemplo mínimo de 2 anos de carteira de habilitação, possuir cartão de crédito internacional com limite para a franquia do seguro, possuir carteira de habilitação internacional para dirigir em alguns países, entre outros. Portanto, o condutor de veículos deve estar atento às exigências das locadoras, descritas em seus sites / contratos.

O que é a pré autorização (caução)?

Caução trata-se do valor exigido pelas locadoras para pagar um eventual dano ao veículo locado. Na verdade, esse bloqueio serve para pagar eventuais extras que não foram contratados no momento da criação da reserva e também pode ser utilizado para pagamento da franquia do seguro em caso de sinistro.

 

Como funciona?


Todas as locadoras exigem que os locatários possuam cartão de crédito válido e em nome do motorista titular do contrato. Será realizada uma pré-autorização no cartão de crédito do locatário no ato da abertura do contrato e o desbloqueio será solicitado pela locadora à administradora do cartão após o encerramento do contrato, o prazo desse estorno bloqueado dependerá da administradora do cartão de crédito. Não são aceitos cartões de crédito não vinculados a instituições bancárias.
A aprovação do cartão de crédito é de única e exclusiva responsabilidade da locadora. A existência de restrições financeiras junto aos órgãos de proteção ao crédito poderão impedir a retirada do carro. Esta análise é realizada exclusivamente pela locadora no ato da retirada.

 

Qual o valor da caução?

Cada locadora possui uma prévia do valor a ser aplicado baseado na tarifa, grupo reservado.

 

Requisitos para locação de veículo no Brasil

  1. Ter idade mínima de 21 anos

  2. Clientes com idade superior a 19 anos e inferior a 21 anos poderão efetuar a locação mediante o pagamento de taxa adicional denominada Locação Jovem

  3. Locatário: Apresentar Carteira de Habilitação (CNH) definitiva, para categoria B ou superior válida há mais de 1 ano. Responsável Financeiro: Apresentar CPF e RG originais. Algumas locadoras ainda exigem os seus documentos como CNH e/ou RG original em papel. Mesmo que você utiliza a versão digital no celular, leve sempre os documentos físicos.

  4. Apresentar cartão de crédito, com emissão bancária e limite disponível para pré-autorização (caução), em nome do locatário ou responsável financeiro

  5. Não possuir restrições financeiras ou de qualquer espécie, reservado a locadora o direito de promover a análise cadastral nos órgãos de proteção ao crédito

  6. Apresentar documento de confirmação de reserva impresso (voucher)

 

Requisitos para locação de veículo no Exterior

  1. O locatário/condutor deverá possuir idade mínima de 25 anos. Locatários com idade entre 21 a 24 anos estarão sujeitos às taxas locais adicionais e não poderão realizar a locação de veículos das categorias Premium, Especial, SUV, Minivan, Van, Conversível, Utilitário e Luxo. Condutores adicionais deverão possuir idade mínima de 25 anos obrigatoriamente

  2. O locatário deverá apresentar seu documento de habilitação original (CNH), emitido no Brasil, válido e dentro do prazo de vencimento e emitido há mais de 2 anos. 

  3. Apresentar a PID - Permissão Internacional para Dirigir (acesse o link) junto à CNH, conforme regulamentação do país para o qual você vai viajar. Os seus documentos brasileiros como CNH, RG, entre outros, na versão digital cadastrados no celular, podem não ser aceitos fora do Brasil. Portanto leve sempre seus documentos físicos originais.
     (A PID é uma licença de habilitação internacional com as mesmas informações da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), só que traduzida em nove idiomas (inglês, espanhol, português, chinês, japonês, árabe, russo, francês e alemão). Ela permite a seu portador conduzir em qualquer um dos mais de 100 países signatários da Convenção sobre Trânsito Viário, firmada em Viena, em 1968)

  4. Apresentar seu passaporte original e válido

  5. Apresentar cartão de crédito internacional válido, emitido por uma instituição bancária, que seja de sua titularidade e com limite disponível para bloqueio caução. Não serão aceitos cartões de crédito de terceiros, cartões não vinculados a instituições bancárias ou não autorizados para operações internacionais.

  6. Apresentar documento de confirmação de reserva impresso (voucher)

Importante
A retirada do veículo está sujeita a análise cadastral que será realizada na loja durante a abertura do contrato e, independente do limite do cartão de crédito do motorista, a locação pode ser negada.

Hospedagem

 

1. Check-in e check-out

 

Check-in é o horário que você poderá entrar no hotel e começar a usufruir de sua diária e check-out é o horário em que você deverá devolver o apartamento. O horário do check-in varia entre 14h e 17h e do check-out entre 10h e 12h. Fique atento aos horários em seu voucher! Obs: Horários previstos, cada hotel pode aplicar e/ou alterar a sua política sem prévio aviso.

 

2. Resort fee / Estacionamento - Taxa extra de alguns resorts

 

Alguns hotéis, principalmente resorts, cobram taxas extras para utilização de alguns serviços, chamadas de “fee”, “resort fee” ou outro. Em sua maioria, essas taxas não estão inclusas nas diárias contratadas e serão cobradas diretamente no hotel, assim como os estacionamentos. Alguns hotéis/resorts ainda podem cobrar taxa de turismo e dependendo do destino, ela pode ser obrigatória ou opcional, por isso, sempre pergunte a recepção do hotel.

 

3. Cofre

Para sua maior segurança, indicamos que quando houver necessidade de deixar objetos de valores no hotel, os mantenha dentro do cofre. Tanto o hotel, quanto a Sonho Real não se responsabilizam por objetos pessoais que estão dentro do apartamento. Lembre-se sempre de levar para a viagem apenas o essencial.

Compras no exterior

 

Para saber mais sobre limites de compras, valores a serem declarados, entre outras informações que envolvam o assunto, indicamos que verifique as informações oficiais do site da receita federal, através deste link.

Cancelamentos, alterações e transferências da viagem

 

Os cancelamentos, alterações e transferências de viagem devem ser feitos pelo contratante na Sonho Real, sendo necessário protocolar a solicitação. Para todo e qualquer cancelamento, alteração, solicitação de carta de crédito ou transferência realizada pelo contratante, além das multas cobradas pelos fornecedores, a Sonho Real cobrará 10% (dez por cento) sobre o valor dos serviços contratados, referente a encargos administrativos na prestação do serviço de agenciamento.

 

Importante: Em caso de pagamento parcelado, você deve continuar pagando normalmente e no final do processo de cancelamento será feito o reembolso. Caso haja inadimplência, o nome do contratante poderá ser incluído nos órgãos de proteção ao crédito.

Aprovação de crédito / confirmação do pagamento

Pagamentos através de depósito bancário serão processados somente após comprovante de depósito e confirmação do valor em conta corrente. Pagamentos através de cartão de crédito, somente após a confirmação do fornecedor mediante aprovação da administradora do cartão. Pagamentos através de boleto bancário e cheques, somente após a confirmação do fornecedor.

Traslado / Transfer

 

O serviço de traslado ou transfer, como também é chamado, é contratado para levar o passageiro do desembarque até o seu local de hospedagem e vice-versa. Existem dois tipos:

 

1. Transfer regular

O transporte é compartilhado com outros turistas. Isto é, existe um veículo programado para fazer o deslocamento entre o aeroporto e o hotel. Como o serviço atende a vários turistas, as pessoas do veículo podem estar no mesmo hotel que você ou em empreendimentos da mesma região. Por isso, o tempo de espera pode variar entre 40 minutos a 3 horas até a chegada ao seu destino. 

Já o retorno é programado com até 6 horas de antecedência (dependendo do destino) do horário do voo e os passageiros deverão comparecer para o início do serviço no local e no horário determinado, pois o transporte não poderá atrasar para aguardar, mesmo que o atraso seja justificado. Fica o contratante ciente de que a pontualidade é condição para fruição do serviço e em caso de atraso ou não comparecimento, o serviço não será reembolsado e a despesa do deslocamento ficará por sua conta.

2. Transfer privativo

 

Essa opção é ideal para quem gosta de serviços personalizados, com conforto e privacidade. O usuário que optar por essa modalidade de transfer, terá um carro exclusivo para realizar o seu trajeto. Caso viaje com familiares ou amigos, a empresa vai disponibilizar um veículo de acordo com a quantidade de passageiros. O preço do serviço é um pouco mais caro do que o transfer regular, mas o serviço oferece mais comodidade aos clientes. Como trata-se de um transporte com um único itinerário, o tempo de deslocamento é bem menor do que o transfer regular.

Força maior

 

As obrigações assumidas nesse documento podem sofrer alterações, cancelamentos e remarcações em razão de Força Maior. Entende-se como força maior os acontecimentos relacionados a fatos independentes da vontade humana e que impeçam o cumprimento das obrigações acordadas entre as partes, como eventos naturais (terremotos, maremotos, incêndios, furacões, tempestades, avalanches, inundações, surtos, epidemias e pandemias e etc), greves, guerras, revoluções, embargos comerciais, resoluções da Organização Mundial do Comércio (OMC) impedindo a comercialização de um determinado tipo de mercadoria ou em caso de surtos, epidemias e pandemias devidamente confirmadas. Em caso de força maior as contratadas garantem que cumprirão as determinações legais e buscarão soluções amigáveis e satisfatórias para ambas as partes.

Termo de Ciência sobre: Restrições de Viagens

Existe aquela velha frase que diz que na natureza, quem sobrevive, não é o mais forte nem o mais inteligente, e sim, o que melhor e mais rápido se adapta às mudanças. Para que você possa continuar viajando, curtindo e aproveitando, nada melhor do que você estar sempre bem informado. Seguem informações importantes sobre situações que podem refletir em sua viagem, devido a atual pandemia COVID-19.

  1. O destino da viagem contratado hoje pode estar ou pode vir a ser, a qualquer momento, classificado como de ‘risco’ pelos órgãos oficiais de cada localidade. Isso está relacionado a pandemia global de coronavírus (SARS-CoV-2) e da doença a ele associada (COVID-19), conforme noticiado. 
     

  2. Nos países de destino e de escala da sua viagem podem haver restrições para sua entrada, saída e tráfego interno. E você pode ter a entrada, saída ou trânsito não autorizados, dependendo da situação local.
     

  3. Eventuais atrasos, cancelamentos, alterações e modificações que possam ocorrer nos serviços contratados, são possíveis. Com isso, você deve estar ciente que possíveis mudanças e/ou cancelamentos dos serviços que contratou podem acontecer, sem que haja qualquer interveniência ou responsabilidade da agência e/ou da operadora de viagens.
     

  4. Os cancelamentos que partirem de você estão sujeitos às multas, uma vez que, todos os serviços contratados estão confirmados e o único motivo da viagem não acontecer é a sua vontade e/ou insegurança.

 

Para sermos o mais transparente possível com você, é de extrema importância que esteja ciente e de acordo com todas as informações mencionadas acima, garantindo assim o bom andamento da sua viagem. Esperamos que tudo isso passe o mais breve possível!

Equipe Sonho Real Turismo