"Volta ao mundo Sonho Real" - Paris
  • Fernanda Biancareli

"Volta ao mundo Sonho Real" - Paris



No mês de Julho a procura por viagens em países da Europa é muito grande por conta do verão e das férias escolares. Para quem tem crianças em idade escolar como eu, não restam muitas alternativas, a não ser viajar em Julho.


Vou passar algumas dicas dos países que fizemos, e como aproveitar ao máximo sua viagem, otimizando tempo nesta época do ano.


Meu conselho é preparar este tipo de viagem com no mínimo 6 meses de antecedência, desta forma a chance de conseguir o menor preço de uma passagem aumenta bastante e você tem mais opções em relação aos demais serviços que tenham número restrito de visitantes.



Vamos lá!


Em resumo, foram 04 noites em Paris, 05 noites em Roma finalizando com um cruzeiro de 07 noites pela Ilhas Gregas a bordo do navio Jewel Of the Seas da Royal Caribbean.


Em Guarulhos, embarcamos em um vôo direto da LATAM, eu, meu marido, meus filhos (8 e 10 anos) e meus pais, que estavam viajando para o exterior pela primeira vez! Nos hospedamos no Novotel Paris Les Halles, uma excelente opção na categoria 4*. São poucas as opções de hotéis na Europa que acomodam 4 pessoas no mesmo apartamento e vale lembrar que a opção de apartamento família neste hotel é uma cama de casal mais um sofá cama casal, o que pra nós foi o único ponto negativo pois o sofá cama era BEM ruim…..mas no geral, o hotel é limpo, aconchegante e suuuuuuuuuper bem localizado com shoppings e restaurantes ao seu redor, é próximo ao Museu do Louvre e fica em frente a uma estação de metrô. Por conta disso foi possível fazermos muitas coisas a pé, e para maiores distâncias o metrô em Paris nos serviu muito bem, é muito simples de usar e eficiente.


Dica: baixe o aplicativo gratuito do metrô, com ele basta digitar o lugar de Paris que deseja chegar para descobrir o nome da estação e o tempo para chegar.


Link do aplicativo para Android

Link do aplicativo para Iphone

Essa foi minha segunda vez na cidade de Paris e como sou completamente apaixonada por fotografia, desta vez decidi contratar um fotógrafo brasileiro para fazer nossas fotos ao redor da Torre Eiffel. O resultado foi sensacional, o ensaio que durou aproximadamente 3 horas rendeu além de fotos maravilhosas, uma caminhada com o fotógrafo por vários pontos da cidade com várias dicas. Encontrar brasileiros fora do país é tudo de bom rsrsrsrsrrs.


O ensaio vale muito a pena por isso, quando você fechar sua viagem para Paris conosco, não deixe de pegar o contato do fotógrafo com nossos vendedores.


Alguma das minhas fotos preferidas:






Com horário marcado e ingresso comprado, subimos na Torre Eiffel. Aconselho muito nesta época do ano, comprar tudo o que for possível antecipadamente, essa é uma dica para otimizar tempo. As atrações estão sempre cheias e com filas enormes para comprar ingresso na hora e ainda corre-se o risco de não conseguir comprar ingresso. O Louvre, por exemplo, estava ESGOTADO e quem deixou para comprar em Paris não conseguiu entrar.


Existem duas opções de ingresso para subir na torre: uma que te leva até o segundo andar, outra para o segundo andar + o TOPO. Compramos o ingresso completo até o TOPO e as crianças amaram.



Elevador da Torre Eiffel



Vista do topo da Torre com o Trocadero ao fundo.


Dentro da torre existem opções de lanches rápidos e também dois restaurantes: Le Jules Verne (restaurante mais requintado, assinado pelo chef Frédéric Anton - 3 estrelas Michelin) e o 58 Tour Eiffel, onde almoçamos, que oferece uma opção de preço único e você escolhe uma das 03 opções de entrada / prato principal / sobremesa. O 58 é uma opção mais econômica e se der sorte ainda pode pegar uma mesa com vista pois o restaurante é todo de vidro (existe a opção de garantir mesa com vista para o Trocadero, mas tem que ser com muita antecedência, eu tentei 4 meses antes e não consegui). Mesmo sem a vista valeu a pena, a comida era boa e o restaurante agradável e tem coisa melhor que almoçar observando Paris do primeiro andar da Torre Eiffel? Não ahahhaha


Na parte da tarde, com ingresso e horário marcado, fomos para o Louvre e contratamos os serviços de um guia brasileiro que, sem dúvida alguma, foi um dos melhores investimentos. Conhecer um Museu tão incrível como aquele, com tanta riqueza e tantas histórias sem um guia BRASILEIRO não é a mesma coisa, por mais que você saiba espanhol, inglês e alugue um áudio guia, você não vai ficar tão entretido e imerso na história quanto com um guia brasileiro (bom é claro). Só para dar um exemplo, imaginem só, duas crianças de 8 e 10 anos andando pelo Louvre com o guia falando e explicando por 3 horas…....essas crianças não queriam ir embora, estavam totalmente envolvidas e interessadas em cada palavra, cada história contada. Foi impressionante!


Além de tudo isso, o Louvre nos deu uma base de história e cultura tão ampla que quando chegamos em Roma e Atenas, só fomos juntando as “peças”.



A icônica pirâmide de vidro que da acesso ao museu.


Monalisa ou La Jacondo

No segundo dia, fomos para Disneyland que fica aproximadamente 40 minutos de Paris. É possível ir de metrô a partir de qualquer estação do centro de Paris ou como fizemos, comprar o transporte (ônibus) da Disney junto com o ingresso, esse transporte custou 7 Euros (ida e volta) por pessoa e achei que valeu a pena. Ele passa em 3 pontos no centro de Paris e segue para a Disneyland, nós subimos no último ponto, apenas 2 quadras do hotel, muito prático.


Comprei o ingresso que dá direito a entrar nos 2 parques no mesmo dia. Começamos pelo Walt Disney Studios Park que fechava mais cedo. Na minha opinião o parque é pequeno (nossa referência são os de Orlando) e a atração que mais gostamos foi o Ratatouille, exclusivo da Disney de Paris. O parque nos pareceu uma mistura do Hollywood Studios com Epcot de Orlando, nele você vai encontrar várias barraquinhas de diversos países com as comidas típicas de cada um. Almoçamos em uma dessas barraquinhas e seguimos para o Disneyland Park, ahhhhh esse sim…...TOP, deu até um certo arrependimento de ter ido no outro, porque tinha tanta coisa para fazer nesse, mas ok, tudo é válido né?


Sem dúvida, esse parque dá para ficar o dia todo, é lindo e possui muitas atrações, achei mais bonito que o Magic Kingdom em Orlando, são muito parecidos, mas este é muito mais arborizado, muitas plantas, flores e o castelo não é da Cinderela, é da Bela Adormecida, todo em rosa e azul. Amei.


Só uma observação: Caso queira ficar para a queima de fogos do Castelo, que nesta época do ano acontece as 23:00, não compre o ônibus da Disney, pois ele retorna para Paris as 21:00, então você irá perder a volta. Nesse caso, vale a pena ir de metrô, sua última saída é a meia noite. Mas claro, sempre confirme os horários de TUDO, pois eles podem alterar a qualquer momento.



O castelo em sua arquitetura francesa.

A réplica da motanha-russa do Holywood Studios de Orlando

Para o terceiro dia reservamos com antecedência no Brasil um PASSEIO DE BIKE COM PIQUENIQUE que foi um dos melhores passeios que fizemos durante toda a viagem.


O passeio é privativo, ou seja, é fechado somente para a sua família, a maior parte do percurso é em ciclovias o que o torna bem seguro. Os guias brasileiros que nos acompanharam foram maravilhosos, o dia estava lindo e passamos por vários pontos da cidade, com paradas para fotos e curiosidades de Paris. Quando chegamos próximos da Torre Eiffel, nosso guia preparou um delicioso piquenique no gramado, aos pés da Torre, foi um momento delicioso, diferente e divertido. Só tenho uma coisa a dizer: FAÇA!



Passear e ainda se exercitar, recomendamos!

Escolhemos uma sombra bem localizada!


Piquenique com ingredientes tradicionais.

A noite fomos jantar no Rio Sena, a bordo do Les Bateaux Parisiens, um barco todo de vidro. Você poderá escolher uma das 3 opções de entrada / prato principal / sobremesa, também inclui água, suco e uma taça de vinho. Durante o jantar, o barco percorre o Rio Sena e não se preocupe com o lado que vai sentar, o barco vai por um sentido, vira e volta, então você vai ver a cidade dos dois lados. Você só precisa decidir no momento da reserva se quer comprar mesa na janela ou no meio.








No nosso quarto e último dia em Paris, estávamos com o dia livre e aproveitamos para passear pela Champs Elysees, tomar um café (na verdade, fazíamos isso todos os dias, sou louca por café), o Arco do Triunfo e fazer umas comprinhas rsrsrs


Não deixe de provar o Macaron (esse da foto que parece uma bolacha recheada, mas não é uma bolacha) você encontra em vários lugares de Paris e os que mais gostei foram da Laudurée e Huré. Pensa em um Macaron que derrete na boca, tem vários sabores e é uma delícia!


Experimente também o Éclair (parecido com uma bomba aqui no Brasil), o Saint-Honoré e o Crème Brulée.





E aí, gostaram das dicas? Todas as dicas de quais ingressos comprar antecipadamente, como, onde e indicação dos guias e fotógrafos brasileiros estão disponíveis com nossos vendedores, compre seu pacote e tenha experiências incríveis pelo mundo :)



Fernanda Biancareli


Receba nosso informativo mensal

Horário de funcionamento

Atendimento presencial:

Segunda a Sexta: 12h às 16h
Sábado: 12h às 13h

 

Atendimento online:

Segunda a Sexta: 10h às 18h

Sábado: 09h às 13h

 

Estamos fechados aos domingos e feriados

Elogios, críticas e sugestões,
envie um e-mail para:
diretoria@sonhoreal.tur.br

Cadastur.png
abav.png

© 2020 SONHO REAL TURISMO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Sonho Real Viagens e Turismo LTDA

CNPJ: 03.022.734/0001-60